© 2023 por Armário Confidencial. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round
Please reload

PROCURE POR TAGS: 

Please reload

POSTS RECENTES: 

SIGA

  • Facebook Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

Cabelo, a história da minha juba

06.07.2017

 

E aí, blz?? 
   Tava aqui decidindo sobre o que falar com vocês nesse segundo post, olha vô te fala, tem assunto pra cacete pra falar (é eu adoooro falar, mesmo que seja escrevendo, no caso). Fiz uma lista de coisas que quero conversar com vocês e aí ela ficou enorme e aí claro tive que escolher um assunto só né (apesar de que quando estou conversando geralmente falo de mil assuntos ao mesmo tempo e nem eu entendo bem o que eu to falando, tipo agora) porque vocês não são obrigados. 
   E como a dona Josi ficou surpresa com o temado primeiro post, hoje vou falar Do que? Do que? Do que? Isso mesmo, de cabelooo (Aaaaahh vá, nem ta escrito no título, sonsa), porque eu quase não gosto né. 
   Olha, meu cabelo é um caso sério, quando eu era criança era cacheado, lindo, mas ai fui crescendo e ficando idiota e tacando escova nele pra ver se alisava (claaaro que não alisou né deeer) e invés disso ele virou uma mistura de Maria Bethânia com Hermione Granger (no primeiro filme) com Albert Einstein, enfim, vocês entenderam a tragédia né? Pra ajudar eu começei a pintar ele muito cedo, com uns 14 anos (ah vai, todo adolescente é meio tonto) e de vermelho ainda por cima, que regaça tudo (fazer o que se eu queria ser a Ariel) resumindo, tava tudo uma bosta.
   Até que superada essa fase, de eu achar que um dia meu cabelo ia alisar se eu penteasse ele trocentas vezes por dia, eu resolvi aceitar ele como ele é naturalmente. Só que ai eu me lasquei, pq claro que ele não cacheia mais né, fica no máximo ondulado tipo 2b/c (muita coisa pra explicar aqui, vai pesquisar tipos de cabelo que vc vai entender kkkkk) e com muito esforço.
   Então fui aprender como cuidar de cabelos desse tipo (no google mesmo, onde mais né??), pra poder sair na rua de cabelo solto sem parecer que tava fantasiada de rei leão (pra ajudar o infeliz tá com cor de rei leão kkk), afinal fazia uns anos que não usava ele solto, só com coque o tempo todo (pode ir no meu insta pra ver que é verdade mesmo). 
   Aprendiiiiii (êêêê palmas pra mim... clap! clap! clap!) e agora ele além de ser muito mais bonito, tá muito mais saudável, e agora só uso ele solto fazendo toin toin toin por aí (me achando a própria Merida) e fim! Rá mentira... 
   Agora ele da o maior trabalho e o maior gasto, de dinheiro e de tempo, pra cuidar,pra finalizar e pra tudo que eu vou fazer nele, mas vale a pena porque hoje a gente se ama muito [oooin, fazendo coração com as mãos] (A ridícula, ainda bem que vocês não tem que ver essas coisas). 
   Maaaas hoje eu só vou mostrar pra vocês o antes e depois e o durante de todo esse aprendizado. Depois eu volto mostrar as outras coisas, produtos, finalizações, cuidados e etc etc etc, antes que vocês morram de tédio aí de tanto ler essa bagaça. Lá vai:

 

 

 

Eu com uns 4 ou 5 anos, imagina se minha mãe soubesse finalizar esse cabelo??? (ignorem a minha cara na segunda foto, eu sou uma pessoa legal, não sou mal humorada assim kkkk)

 

 Momento dignidade zero, mas ok, essas fotos foram exatamente uma lavagem antes da minha primeira finalização, mas meu cabelo era assim desde a minha adolescência (entendem porque eu só usava preso?? por vergonha na cara né) 

 

 

Minha primeira finalização, com cachos dos sonhos + gel de day after, tudo da Salon Line, não tinha progressiva e não fazia muita chapinha então não teve transição forte né,mas dá muita diferença dele hoje. 

 

 E por fim, ele hoje. Que diferença né?? (também, depois de quase cair a mão de tanto amassar essa juba kkkk) 

 

   Só um PS antes de terminar, não, não acabou o dinheiro da progressiva, sim, eu tenho escova e pente em casa (só não uso muito kkk), não, eu não levei um choque e pra qualquer outra pergunta/comentário idiota que me fazem, a resposta geral  virá a ser "ainda bem que o cabelo é meu e está na minha cabeça e eu posso usar ele como quiser né não??".

 

Então é isso... até o próximo post! 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now